22 de mai de 2013

Dia dos Namorados - Não Deixe o Seu Relacionamento Cair na Rotina



A maioria dos casais erra quando estão tão a
paixonados que passam a acreditar que este relacionamento de paixão vai durar uma vida toda.
Porém, o casal se esquece que viver juntos por toda uma vida é algo que se tem de trabalhar arduamente para se conseguir e uma das primeiras providências a serem tomadas é não deixar a relação cair na rotina.

De acordo com alguns pesquisadores cujos interesses de pesquisa incluem relações interpessoais, pai/criança e os efeitos a longo prazo do divórcio sobre as crianças, os seres humanos não foram feitos para viverem um romance a longo prazo.
A química do corpo que faz com que a vibração de nossos corações durante uma nova relação seja substituída depois de vários anos por uma química mais orientada para uma troca, segundo estes cientistas.
Os casais portanto, precisam trabalhar para manter o romance vivo em relacionamentos de longo prazo. Reservar um o tempo para o romance é muito bom para sua saúde física e mental do casal.
Os cientistas revelam que a pesquisa realizada sobre o tema indica que a saúde das pessoas que se divorciaram ficam mais abaladas e com uma diminuição da qualidade de vida, por isso a longevidade e felicidade geral são razões adicionais para manter o romance vivo com o parceiro certo.
Encontrar tempo para o romance é fundamental para um casamento, relacionamento ou um comprometimento de longo prazo, e esse período não deve ser limitado somente aos Aniversários, Dia dos Namorados, ou outras ocasiões especiais.

Algumas Dicas para Reacender o Romance


  • Os cônjuges ou parceiros devem encontrar formas de passar o tempo juntos e desfrutar mais um do outro. As pessoas mudam e com elas há mudanças em seus relacionamentos. Esse comportamento enfatiza a relação, não importa que problema aconteça, nós sempre devemos encontrar tempo para nós mesmos, e achar tempo também para celebrar o nosso relacionamento amoroso.

4 de dez de 2012

Receita para Bagunçar sua Vida



Venho observando há algum tempo indícios de atitudes, reflexos da forma como as pessoas pensam e sentem, que as levam, mais cedo ou mais tarde, a instalarem em suas vidas o caos e a desorganização, tanto pessoal, quanto profissional. Como nada surge do nada, tudo tem uma origem, um começo, decidi compartilhar com você leitor (até mesmo como uma forma de prevenção) essas situações, formas de ver, emoções...

Preste atenção, seja honesto consigo mesmo..........


           
INDÍCIOS DE FUTUROS PROBLEMAS:

- Deixar para fazer depois ou criar desculpas para não fazer o que precisa ser feito;
- Querer centralizar tudo em suas costas, popularmente conhecido como “abraçar o mundo”;
- Só viver para o trabalho (focar somente em uma coisa, esquecendo de todo o resto) ou para o amor (marido, namorado, família, filhos...);
- Ser mediano, não dar o seu melhor;
- Agir apenas baseado no que os outros vão falar ou esperam de você;
- Dormir pouco;
- Assumir responsabilidade que não são suas;
- Não se alimentar bem;
- Gastar mais do que pode;
- Acreditar ser a pior pessoa do mundo;
- Não se amar;
- Se revoltar e não aceitar a vida como ela é;
- Resistir às mudanças;
- Delegar seu poder pessoal para outra pessoa, deixando que ela decida por você a sua vida;
- Manipular, buscar controlar pessoas e situações;
- Viver apegada ao passado, as lembranças;
- Ser sedentário;
- Focar-se apenas no futuro (viver planejando...);
- Seu cotidiano se basear em possibilidades: E se...
- Não saber dar limites, dizer não;
- Falar, falar e não fazer nada;
- Preguiça e comodismo;
- Preponderar a razão sobre a emoção e vice versa;
- Achar que todos (inclusive Deus) estão contra você;
- Não se assumir;
- Criar máscaras para todas as situações e pessoas;
- Desconectar-se da sua espiritualidade;
- Fofocar e maledicência;
- Não ler, não se atualizar;
- Criar regras que não podem ser mudadas;
- Fazer tudo o que te dizem para fazer sem antes seu eu interior;
- Se comparar com os outros;
- Ser convicto de que sabe tudo, de que tem sempre a razão;
- Sentir inveja do sucesso alheio;
- Ver a vida somente e através das suas concepções;
- Baixa estima;
- Auto boicote;
- Não buscar a origem ou fugir dos seus desafios;
- Acreditar que a solução de todos os seus problemas está em tomar remédios, drogar-se, beber, adrenalina...
- Não tomar decisões;
- Viver a vida no piloto automático;
- Acreditar ser vítima, culpando situações ou pessoas, as colocando no papel de vilões;
- Ser rígido, orgulhoso, arrogante e perfeccionista;
- Não ter tempo para se cuidar;
- Viver no corre corre, estressado, sem paciência e tolerância;
- Sua meta de vida seja APENAS ter muitos bens, corpo perfeito, carro do ano, casa, status;
- Tratar mal as pessoas ao seu redor;


Se você marcou apenas alguns itens, considere-se candidato a bagunçar sua própria vida. Fique alerta para mais outras situações não se incorporem no seu cotidiano.

Caso tenhas marcado 10 itens... Mudanças urgentes precisam ser feitas para que você novamente fluir equilibradamente pela vida! Comece o quanto antes a ver onde podes mudar...

Marcou a maioria dos itens acima? Pare! O que você anda fazendo da sua vida? O que vai precisar acontecer para que você decida mudar?

Independente do número de itens assinalados, sempre deveríamos permanecer em estado de vigilância quanto a viver no presente, observando a qualidade dos nossos pensamentos sobre nós mesmos e as demais pessoas. Assim como, prestar atenção ao que estamos sentindo e atraindo para a nossa vida, afinal, ela é o reflexo de quem somos, do que manifestamos em diferentes setores da nossa vida.

É muito fácil entrar no piloto automático, na rotina. Todo cuidado é pouco para não sucumbirmos ao auto boicote e resistir às mudanças. Tudo muda e nós precisamos aprender a encerrar ciclos, absorver os motivos delas acontecerem para então, reorganizar nossa existência focando-a em nosso crescimento, melhoria de vida, portanto: evolução pessoal. Somente assim, nosso dia a dia se harmonizará com pessoas, situações, lugares...


ROSEMARI PADILHA - PSICOTERAPEUTA
ATENDIMENTOS EM S.ANDRÉ, SPAULO E PIRACICABA
11-8303.0114 (CLARO)   11-8257.6815 (TIM)  

20 de out de 2012

É Primavera! As Rosas voltam ao Jardim


Um simples botão pode transformar raiva em perdão, um dia sem-graça em data especial e até um coração entristecido pode encontrar algo que valha a pena cultivar.
Com tanto poder, ela evoca poesia e é a inspiração que falta em sua vida!

Quer acertar sempre? Conviva com as Rosas...
Sua infinidade de cores mandam mensagens:
A Vermelha fala sobre paixão...
A Branca, traz pureza...
A Amarela, felicidade...
A Cor-de-Rosa demonstra carinho... são excelentes para você presentear um amigo!
A tom Champagne, representa admiração.

Cultive-as em um jardim ou em vasos e espalhe além de perfume, recados pra lá de delicados...



Elas adoram sol... Plante-as em locais que se mantenham ensolarados por no mínimo 6 horas. Assim terá rosas belas e perfumadas!

Veja o que o compositor Tom Zé relata sobre as rosas:

"Eu não estava muito bem de saúde e lidar com a mãe-terra me pareceu um bom recurso terapêutico. Propus ao pessoal do prédio onde morava, cuidar do jardim de entrada. Já havia uns pés de roseira brava e um vizinho italiano me ensinou a cultivar outras espécies. Era bom plantar e conversar com meu compadre, seu Rômulo. As crianças também davam palpite, ajudavam a tomar conta, convertiam-se em protetoras. Com o tempo, o jardim cresceu e as flores continuam indo muito bem. Hoje temos rosas Paulo Freire, brancas, mudas presenteadas pelo ex-motorista do educador, as rosas bailarinas, que foram doadas por duas irmãs dançarinas, Sofia e Eliana, entre tantas outras trazidas do Ceasa e dos jardins de amigos. Combinar horários de regar, épocas de podar, fazer tempo para cuidar delas... quando não é possível, eu sinto falta. Dá trabalho, mas é um benefício para a epiderme e aos pulmões do planeta. E para os meus também!"